Procon Estadual autua 17 lojas do Partage Shopping São Gonçalo


A Operação Rolezinho prossegue ao longo da semana. Nesta terça-feira (13) 17 lojas foram autuadas no Partage Shopping São Gonçalo.

O Procon Estadual, ligado à Secretaria de Estado de Governo, realizou, nesta terça-feira (13/09), uma nova etapa da Operação Rolezinho, desta vez fiscalizando estabelecimentos do Partage Shopping São Gonçalo. Foram vistoriadas 31 lojas e 17 delas foram autuadas. Na última segunda-feira (12/09), quando aconteceu a primeira etapa da operação, os fiscais interditaram duas lojas e autuaram outras 20 no Shopping Grande Rio, em São João de Meriti.

As lojas Of Bijoux; First Class e Tonsan não possuíam preços nos produtos expostos para venda e estavam com alvará de funcionamento vencido. Na Tonsan estava vencido desde outubro de 2012. Os fiscais deram o prazo de 15 dias para apresentação do documento regularizado na autarquia. A loja Of Bijoux também não contava com um exemplar do Livro de Reclamações nem do cartaz do Disque151 (telefone do Procon Estadual para denúcias e dúvidas do consumidor).
Outras quatro lojas também foram autuadas por não exibirem os preços nas mercadorias. Seis lojas não possuíam Livro de Reclamações, e uma delas, a The Best, apesar de possuir um exemplar, este não estava autenticado pelo Procon Estadual, como determina a lei.

Não foram encontradas irregularidades nas seguintes lojas: R&A Styllus; Zinzane; Chifon; Casa e Vídeo; Samsung; Taco; KIK; Nextel; Kbyte; Funshoes; Vivo; Cacau Show; Giza; Hermano Decor.

Balanço da Operação Rolezinho

Loja Renner de São Gonçalo - Foto: Procon

Loja Renner de São Gonçalo – Foto: Procon


1 – Renner: Ausência do Livro de Reclamações.
2 – Mutatism: Ausência do Livro de Reclamações. Ausência de preços em produtos na vitrine e no interior da loja.
3 – Via Torino: Ausência do Livro de Reclamações. Ausência de preços nos produtos expostos na vitrine e no interior da loja.
4 – Board: Ausência de preço visível aos consumidores, na vitrine e no interior da loja.
5 – Of Bijoux: Alvará vencido em 14/07/2016. Prazo de 15 dias para apresentação. Ausência de preços nos produtos expostos na vitrine e no interior da loja. Ausência do Livro de Reclamações. Ausência do cartaz do Disque151.
6 – Cyclone: Ausência de preços nos produtos expostos no interior da loja. Fonte do valor da parcela em tamanho superior a fonte do valor do preço a vista.
7 – Claro: Ausência de preços visíveis ao consumidor na vitrine e no interior da loja. Endereço constante da Danfe não corresponde ao local.
8 – Hora Inglesa: Ausência de preço na vitrine e no interior da loja.
9 – Oi: Reclamação registrada no Livro de Reclamações não enviadas no prazo legal.
10 – The Best: Livro de Reclamações não registrado junto ao Procon.
11 – First Class: Ausência de preço nos produtos. Alvará vencido em 04/01/13.
12 – C&A: ausência de preços nos produtos expostos no interior da loja. Reclamações registradas no Livro de Reclamações não enviadas no prazo legal.
13 – Tonsan: Alvará de funcionamento vencido em 26/10/12. Ausência de preços nos produtos expostos na vitrine e no interior da loja.
14 – Ótica Carol: Ausência do Livro de Reclamações. Ausência de preço visível nos produtos expostos a venda na vitrine.
15 – Riachuelo: Reclamação registrada no Livro de Reclamações não enviada no prazo legal.
16 – Di Santini: Reclamação no Livro não encaminhada tempestivamente.
17 – Fashion Biju: Ausência de preço visível aos consumidores no interior da loja. Ausência do Livro de Reclamações. Ausência de CDC para consulta.

About the Author

Luiz Souza
Fotojornalista criador do site Subúrbio RJ. O objetivo do site é compartilhar notícias e acontecimentos importantes da cidade do Rio de Janeiro e da região metropolitana do Rio. O foco principal do site é a divulgação de notícias relacionadas à cultura e eventos importantes para a cidade como o Jogos Olímpicos Rio 2016.

Be the first to comment on "Procon Estadual autua 17 lojas do Partage Shopping São Gonçalo"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*