Documentário sobre o caso do pedreiro Amarildo tem exibição e debate na Maré


O evento é uma iniciativa da Escola Popular de Comunicação Crítica e terá a participação do diretor e roteirista Rodrigo Mac Niven

Documentario Amarildo - Divulgação

Documentario Amarildo – Divulgação

Na próxima segunda-feira, dia 17/11, às 18 horas o DIÁLOGOS ESPOCC, série de debates promovidos pela Escola Popular de Comunicação Crítica, receberá o diretor e roteirista Rodrigo Mac Niven. Logo após a exibição do documentário “O estopim”, que retrata o caso do sumiço do pedreiro Amarildo, o cineasta participará de debate sobre segurança pública no Rio de Janeiro, mercado audiovisual e os desafios de fazer cinema no Brasil.

O encontro será aberto ao público, gratuito, e acontecerá na sede do Observatório de Favelas, na Maré. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas através do link: http://migre.me/mLzrK

Exibido na última edição do Festival do Rio, o documentário “O estopim” mistura depoimentos reais e cenas com atores. A intenção é não só investigar o ocorrido, mas debater a conduta policial nas favelas e a questão da segurança pública do país.

Rodrigo Mac Niven
Nasceu em 1976 no Rio de Janeiro. Jornalista e cineasta, ainda na faculdade trabalhou como cinegrafista subaquático, diretor de fotografia e editor de programas de TV. Em 2005, criou a TVa2 Produções, na qual escreveu e dirigiu, entre outros, os documentários “Ei, you! O Haiti antes do terremoto” (2010), “Cortina de fumaça” (2010) e “Armados” (2012). Atualmente se dedica a roteiros de ficção e lidera o núcleo de criação de séries da TVa2.

O estopim

Sinopse:
A coragem da família e de amigos de Amarildo, assassinado por policiais militares dentro da sede da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da Rocinha em julho de 2013, se transformou em símbolo de resistência e luta da sociedade civil contra a violência do Estado. O caso foi o estopim não apenas para a mobilização de outras comunidades, mas principalmente para expor as fragilidades de um projeto de segurança pública militarizado.

Ficha técnica:
Documentário
Duração: 84 minutos
País/ano: Brasil/2014
Direção, roteiro e montagem: Rodrigo Mac Niven
Empresa Produtora: TVA2 Produções
Produção: Mariana Genescá
Fotografia: Neto de Oliveira
Música: Fernando Moura
Documentário com: Brunno Rodrigues

Trailer: http://www.youtube.com/watch?v=nZBfu8uMZCY&feature=youtu.be

Serviço – DIÁLOGOS ESPOCC
Data: 17 de novembro
Horário: 18 horas
Local: Observatório de Favelas
Endereço: Rua Teixeira Ribeiro, 535, Maré, Rio de Janeiro
Informações: espocc@observatoriodefavelas.org.br

Escola Popular de Comunicação Crítica

A Escola Popular de Comunicação Crítica (Espocc) foi criada em agosto de 2005, pela organização da sociedade civil Observatório de Favelas, no conjunto de favelas da Maré, no Rio de Janeiro. Seu objetivo é iniciar jovens e adultos de espaços populares em conhecimentos e vivências da teoria, metodologia e linguagens da comunicação popular, visando potencializar sua ação crítica e transformadora.

A iniciativa teve como parceiros a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Universidade Federal Fluminense (UFF), o Canal Futura e diversas organizações da área de comunicação e temas afins. Em novembro de 2006, depois de um ano de curso de extensão gratuito, a Escola formou a sua primeira turma de comunicadores, nas habilitações de Audiovisual, Jornalismo e Fotografia.

A partir de 2012 a ESPOCC passa a contar com o patrocínio da Petrobras e apresenta o primeiro curso de Publicidade Afirmativa do Brasil. São 90 jovens de vários lugares do Rio de Janeiro, aprendendo, criando e trocando conhecimentos nas habilitações de Audiovisual e Cultura Digital. Um encontro que reúne comunicadores populares, universidades e profissionais de grandes agências.

About the Author

Luiz Souza
Fotojornalista criador do site Subúrbio RJ. O objetivo do site é compartilhar notícias e acontecimentos importantes da cidade do Rio de Janeiro e da região metropolitana do Rio. O foco principal do site é a divulgação de notícias relacionadas à cultura e eventos importantes para a cidade como o Jogos Olímpicos Rio 2016.

Be the first to comment on "Documentário sobre o caso do pedreiro Amarildo tem exibição e debate na Maré"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*